FOCOS DE INCÊNDIO MOBILIZOU BRIGADISTAS E BOMBEIROS NO FINAL DE SEMANA EM PEDRO LEOPOLDO

Reportagem: Pacheco de Souza / Foto Denis Valério

Incêndio na mata do Lanagro em Pedro Leopoldo

Incêndio na mata do Lanagro em Pedro Leopoldo

Brigadistas da Brigada Civil de Emergência de Pedro Leopoldo e homens do Corpo de Bombeiros Militar atuaram juntos no último sábado, dia 27, no combate a focos de incêndio em Pedro Leopoldo. Os trabalhos iniciados por volta das 18h só terminaram no início da manhã de domingo (28). Cerca de 40 mil litros d’água foram usados para apagar as chamas.

O primeiro foco de incêndio começou na mata do Condomínio do Grupo Vitória da União, o Vitória Prime Residence. O objetivo dos brigadistas era de evitar que o fogo consumisse toda a área de vegetação e que fosse preservada uma nascente que existe no local.

Na área da Fazenda Modelo, no  terreno do Lanagro – Laboratório Nacional Agropecuário também teve focos de incêndio, mas o fogo foi controlado graças a ação voluntária dos Brigadistas da Brigada Civil de Emergência de Pedro Leopoldo em mais um trabalho conjunto com os Militares do Corpo de Bombeiros e os Brigadistas do Lanagro.

No terreno do Lanagro as chamas ameaçavam atingir a casa de um eletricista, mas o fogo foi debelado antes de chegar perto do imóvel.

Além da água usada nos caminhões tanque, os brigadistas usaram chicotes, abafadores e bomba costal nos trabalhos de combate.

MIX DESTAQUE: Trabalharam neste combate os Brigadistas Denis Valério e Emerson Lage (Brigada Civil Emergência de PL), Ricardo, José Cândido e João do Lanagro, além da equipe dos Bombeiros coordenada pelo Tenente Acácio.

AUDIÊNCIA PÚBLICA OUTUBRO 2014 526 X 201

 

PRORROGADO PRAZO DE INSCRIÇÃO PARA CONCURSO

CONCURSO DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA TERÁ 80 VAGAS PARA PEDRO LEOPOLDO

Reportagem: Luciana Gonçalves / Fotos: Divulgação

LANAGROPL

LANAGRO

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou uma retificação do edital ampliando as inscrições do concurso que visa ao preenchimento de 796 vagas em diversos cargos dos níveis fundamental, médio, médio/técnico e superior das quais 80 são destinadas para o Lanagro em Pedro Leopoldo. O prazo, que terminaria no próximo dia 6, agora vai até dia 13, com a taxa podendo ser paga até o dia 14. A retificação também altera o requisito do cargo de zootecnista, da carreira de fiscal agripecuário – agora, além de graduados em Zootecnia, a participação foi aberta a formados em Medicina Veterinária e Engenharia Agronônica -, além da atribuição da função de geógrafo, entre outros pontos do edital.

Provas – Os exames estão marcados para 4 de maio. Os concorrentes às funções de agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal, técnico de laboratório e técnico de contabilidade farão as provas das 8h30 às 12h30. Os candidatos às carreiras com outros níveis de escolaridade serão avaliados das 14h30 às 18h30. Quem se candidatar aos cargos com lotação no Laboratório Nacional Agropecuário passará ainda por uma avaliação de títulos. A documentação comprobatória deverá ser entregue no dia das provas. O concurso tem prazo de validade de um ano, prorrogável por igual período.

Clique aqui para saber mais sobre o concurso.

APÓS DENÚNCIA, SITUAÇÃO DE CLIENTE DE SUPERMERCADO É ESCLARECIDA

CLIENTE QUE ADQUIRIU CARNE ESTRAGADA EM SUPERMERCADO DE PEDRO LEOPOLDO RECEBE ESCLARECIMENTOS DOS RESPONSÁVEIS

Reportagem: Luciana Gonçalves / Foto: Divulgação

CARNE ESTRAGADA 1

Fotos enviadas pela reclamante

Após denúncia enviada por uma internauta à equipe do MIX NOTÍCIAS e matéria veiculada no último dia 10 segunda-feira, a redação recebeu posições da Prefeitura de Pedro Leopoldo, da empresa que embalou o alimento e do Lanagro.

Relembre a matéria.

Acompanhe aqui as respostas obtidas:

Resposta da prefeitura enviada pela Secretaria de Saúde:

“A Prefeitura Municipal de Pedro Leopoldo, através da Secretaria de Saúde, informa que a Vigilância Sanitária, tão logo recebeu a denúncia da Sra., fez um contato telefônico com a responsável pelo Setor de Alimentos do Núcleo de Vigilância Sanitária da Superintendência Regional de Saúde de Belo Horizonte que orientou o encaminhamento das fotos e dados do produto através de e-mail, para serem conduzidos à instancia responsável pela fiscalização, não sendo necessária a apreensão do produto. Este e-mail foi encaminhado com cópia para a denunciante, de forma que a mesma pudesse acompanhá-lo. Na ocasião da denúncia o Fiscal Sanitário, Misael Elias, informou a Sra. que a competência da fiscalização do produto é do Ministério da Agricultura, já que o mesmo apresentava o selo do SIF-Serviço de Inspeção Federal. Um e-mail posteriormente enviado pela denunciante solicitando resposta do processo, o Fiscal novamente explicou sobre a orientação da Vigilância Sanitária Estadual e informou o contato da responsável pelo Setor de Alimentos do Núcleo de Vigilância Sanitária da Superintendência Regional de Saúde de Belo Horizonte à Sra. para que a mesma pudesse acompanhar as ações realizadas pelo órgão.

De acordo com a responsável pelo Setor de Alimentos do Núcleo de Vigilância Sanitária da Superintendência Regional de Saúde de Belo Horizonte a denunciante entrou em contato e foi orientada sobre o encaminhamento da documentação, conforme já havia sido explicado anteriormente pelo Fiscal Sanitário. Posteriormente a Vigilância Sanitária de Pedro Leopoldo, recebeu um e-mail do Setor de Alimentos do Núcleo de Vigilância Sanitária da Superintendência Regional de Saúde de Belo Horizonte que, em resposta à documentação encaminhada, informou: “O produto em questão é de fiscalização competente ao Ministério da Agricultura, Pecuária e do Abastecimento. A denúncia foi encaminhada ao nível central para ciência e providências cabíveis.”.

 

Resposta da empresa responsável por embalar a carne, enviada pelo setor de marketing:

“Esta ocorrência foi tratada em 07/02/2014 (em retorno a contato telefônico via SAC) junto ao esposo da reclamante.Todos os esclarecimentos foram repassados ao cliente em contato via SAC 0800 incluindo: natureza do problema, possíveis causas, como proceder com o produto, como proceder a troca do produto.

Ainda, conforme procedimento padrão, foi orientado ao mesmo retornar a ligação ao SAC caso houvesse qualquer dificuldade na troca do produto, ou para maiores dúvidas e esclarecimentos. Entramos em contato com a reclamante em 12/02/2014, repassamos e reforçamos as informações acima citadas.”

 

Ouça esclarecimento do diretor do Lanagro, Ricardo Nascimento, a respeito do assunto:

 

 

DIRETOR DO LANAGRO-PL FALA SOBRE O CONCURSO DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA

EM ENTREVISTA, RICARDO NASCIMENTO ESCLARECEU VÁRIAS QUESTÕES IMPORTANTES

Reportagem: Luciana Gonçalves / Entrevista e foto: Pacheco de Souza

PRESIDENTE LANAGRO

Sr. Ricardo – diretor do Lanagro em PL

A equipe do MIX NOTÍCIAS conversou nesta semana com o Sr. Ricardo que explanou sobre as vagas do concurso do Ministério da Agricultura que irão contemplar também Pedro Leopoldo, através do Lanagro. A matéria a respeito do concurso foi divulgada aqui no portal no último dia 11. Confira.

 

 

 

 

Ouça a entrevista na íntegra:

 

CONCURSO DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA TEM 80 VAGAS PARA PEDRO LEOPOLDO

VAGAS SÃO PARA O LANAGRO – LABORATÓRIO NACIONAL AGROPECUÁRIO EM PEDRO LEOPOLDO E PARA OUTRAS CINCO UNIDADES NO BRASIL

Reportagem: Luciana Gonçalves / Foto: Lanagro PL

LANAGROPL 1

Lanagro vista parcial

O concurso será de provas e títulos para provimento de vagas para as carreiras de Fiscal Federal Agropecuário, as carreiras de Atividades Técnicas de Fiscalização e as carreiras do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo – PGPE afetos ao Mapa – Ministério da Agricultura,Pecuária e Abastecimento. As inscrições estão abertas desde o dia 03 de fevereiro e vão até 06 de março.

O processo vai preencher no total 796 vagas que vão desde  ensino fundamental, médio, técnico e superior, em todo o país. As remunerações variam de R$ 2.818,02 a R$ 12.539,38 por jornada de trabalho de 40 hs semanais. A taxa de inscrição tem valores fixados entre R$ 38,50 e R$ 71,00.

Só para o Laboratório de Pedro Leopoldo serão 80 vagas, distribuídas da seguinte forma: auxiliar de laboratório (12), agente administrativo (12), técnico de laboratório (40) e 16 vagas para fiscal federal agropecuário, leia-se, 6 veterinários, 6 químicos, 2 agrônomos e 2 farmacêuticos.

Confira a distribuição das vagas:

Fiscal Federal Agropecuário: Vagas para Engenheiro Agrônomo (80), Farmacêutico (13), Químico (22), Veterinário (110) e Zootecnista (7). As funções exigem curso de nível superior na área e tem remuneração de R$ 12.539,38 por jornada de trabalho de 40 horas semanais.

Atividades Técnicas da Fiscalização do MAPA: Esta área oferece oportunidades nas funções de Agente de Atividades Agropecuárias (50), Agente de Inspeção Sanitária e Industrial de Produtos de Origem Animal/AISIPOA (100), Auxiliar de Laboratório (70) e Técnico de Laboratório (184). Os cargos exigem nível fundamental, médio ou médio/técnico e têm remunerações entre R$ 3.729,44 e R$ 5.850,79.

Cargos do Plano Geral do Poder Executivo do MAPA: Há chances nas funções de Administrador (25), Agente Administrativo (110), Bibliotecário (2), Contador (6), Economista (4), Engenheiro (3), Geógrafo (3), Psicólogo (2) e Técnico em Contabilidade (5). Os salários destas funções variam entre R$ 2.818,02 e R$ 5.334,90.

Os interessados poderão se inscrever apenas via internet através do site da Consulplan. Será permitido ao candidato se inscrever em 2 cargos distintos, desde que o turno de aplicação das provas não coincida .

Para mais informações veja o edital.

Atualizada as 17h40.

CARRO FICA PENDURADO NA PONTE EM PEDRO LEOPOLDO

PIZZARIA NOSSO SABOR

Reportagem e fotos: Pacheco de Souza

Grade de ferro impediu a queda do veículo no Ribeirão

Grade de ferro impediu a queda do veículo no Ribeirão

Os ocupantes de um veículo Siena de cor preta tiveram muita sorte na madrugada dessa segunda-feira, dia 02 de setembro, ao passar próximo a Fazenda Modelo em Pedro Leopoldo. De acordo com uma testemunha, quatro rapazes estariam dentro do veículo que seguia sentido centro da cidade, mas ao passar por uma curva, o condutor perdeu o controle da direção, passou entre um poste da Cemig e a ponte e, ficou preso na cabeceira da ponte, seguro apenas por uma grade de ferro.

Quem passou pelo local na manhã de hoje ficou surpreso com a habilidade do motorista. “Como ele passou por aqui sem cair no ribeirão, estes rapazes tiveram muita sorte, devem ser pessoas de muita fé, foi a mão de Deus que impediu algo pior”, comentou um morador do bairro de Ferreiras que estava indo para o trabalho.

Ainda não é possível saber o que aconteceu, se o motorista dormiu ao volante ou se o carro apresentou algum problema mecânico. No entanto, pessoas ouvidas pela nossa equipe contaram que em Santo Antônio da Barra teria acontecido uma festa na noite de ontem e supostamente os rapazes poderiam estar vindo do evento.

Motorista habilidoso passou entre um poste da Cemig e a ponte, mas não bateu

Motorista habilidoso passou entre um poste da Cemig e a ponte, mas não bateu

Uma testemunha ouvida pela nossa equipe contou que os rapazes provavelmente são moradores do bairro Dom Camilo na região norte da cidade, mas ela não tem certeza.

Mesmo com o impacto do acidente, o veículo não ficou muito danificado.

FESTIVAL INTERNACIONAL DE CORAIS BANNER 695 X 185

MOTOCICLISTA BATE EM POSTE PERTO DO LANAGRO

ACIDENTE FOI AGORA A POUCO AO LADO DA PISTA DE COOPER EM PEDRO LEOPOLDO

Reportagem: Pacheco de Souza / Foto do arquivo Mix Notícias

Corpo de bombeiro socorre vítima 345 X 237

Ambulância dos Bombeiros socorrendo a vítima

Um motociclista identificado apenas por Luiz, morador do bairro Tapera em Pedro Leopoldo foi socorrido agora a pouco por uma ambulância do Corpo de Bombeiros e levado ao Pronto Atendimento da cidade com suspeita de fratura no ombro e braço. O rapaz bateu contra um poste na Avenida Rômulo Joviano na pista sentido Santo Antônio da Barra, o acidente foi pouco à frente do Lanagro – Laboratório Nacional Agropecuário.

De acordo com testemunhas o rapaz conduzia uma moto Dafra 250 de placa OOZ 7057 e se desequilibrou. Após perder o controle da direção o condutor bateu em um poste. Ainda segundo informações de um morador da região, a vítima não tem habilitação e estaria vindo de um Centro de Formação de Condutores (CFC) da região.

Familiares da vítima foram ao local para acompanhar os trabalhos da equipe de resgate. Uma ambulância do município que teria chegado ao local primeiro, não conseguiu fazer o resgate da vítima por falta de equipamentos. Uma testemunha disse que o veiculo além de ser pequeno não tinha a maca (prancha de madeira) para transportar o acidentado.

A motocicleta será apreendida pela Polícia Militar que está no local registrando o boletim de ocorrência.

 

Peixes e água da Lagoa do Sumidouro são coletados para análise

Reportagem: Marianita Saraiva / Fotos: Luísa Cunha

Os técnicos do Lanagro Amarildo Germano e Carlos entre o gerente do parque Rogério Tavares e a a bióloga da unidade Luísa

Os técnicos do Lanagro Amarildo Germano e Carlos entre o gerente do parque Rogério Tavares e a a bióloga da unidade Luísa

Na última semana técnicos do Laboratório Nacional Agropecuário – LANAGRO –MG e funcionários do Parque coletaram cerca de 30 tilápias (ainda pequenas) e 1 traíra média da Lagoa do Sumidouro para análise laboratorial. Além dos peixes foi coletada também uma amostra da água.

O objetivo da coleta é de avaliar a qualidade do peixe e da água, visando a implantação do Programa Pesca Controlada, a partir de autorização do IEF. A instituição busca a criação de um grupo de trabalho capaz de avaliar a viabilidade da pesca como controle de espécies invasoras, considerando a atividade como um hábito cultural das comunidades de entorno. Serão necessárias análises físico-químicas, bacteriológicas e microbiológicas que apontarão ou não, os riscos à saúde e ao consumo humano, já que na região não existe tratamento de esgotodoméstico e que as águas que drenam para a lagoa vem também de Lagoa de Santo Antônio e Confins.

técnico coleta água da Lagoa do Sumidouro

técnico coleta água da Lagoa do Sumidouro

A Universidade Federal de Lavras realizou uma coleta na lagoa ao final de 2012. Segundo o gerente do parque Rogério Tavares, o trabalho está sendo feito por dois laboratórios, porque cada um realizará um tipo de análise. A universidade ficará responsável pelos testes bacteriológicos, microbiológicos e parasitológicos. Já o LANAGRO realizará testes físico-químicos e alguns parâmetros bacteriológicos.

Tilápia coletada

Tilápia coletada

Enquanto as análises estão sendo realizadas, contatos com a Diretoria de Pesquisa e Proteção da Biodiversidade e de Fiscalização de Pesca estão sendo realizados, visando o apoio ao grupo de trabalho e estudo, bem como ações de fiscalização e educação ambiental visando coibir a pesca predatória.

Traíra coletada

Traíra coletada

Conforme previsto na Lei 9.985 de 18 de julho de 2000 que institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação, é proibida atividade de uso direto em unidade de Conservação de Proteção Integral, como é o caso de pesca dentro de parques. “O objetivo neste caso é proteger a fauna e flora aquática existente na unidade de conservação. Considerando a necessidade de controle das tilápias, espécie invasora da lagoa e a pesca de anzol como hábito cultural da comunidade de entorno foi então criado um grupo de estudo de viabilidade da pesca com a participação de algumasentidades. É extremamente importante que a comunidade participe e colabore”, finalizou Rogério.