Polícia Civil prende suspeitos de tráfico de drogas em Betim

BANNER CERÂMICA JENIPAPO RODAPÉ

Em Belo Horizonte um suspeito foi preso vendendo droga misturada ao chocolate em casquinha de sorvete (veja nas fotos abaixo)

Reportagem: Pacheco de Souza / Fotos divulgação PCMG

Investigados por tráfico de drogas

Investigados por tráfico de drogas

A Polícia Civil de Minas Gerais prendeu, na última sexta-feira (10), quatro suspeitos de pertencer a uma organização responsável pelo tráfico de drogas em vários bairros da região de Betim. Outro suspeito está sendo procurado e o delegado já pediu à justiça a prisão preventiva do mesmo. As imagens dos presos e as informações sobre a prisão do grupo só foram repassadas à imprensa nesta quarta-feira (15).

Segundo a Polícia Civil, Carlos Adão Gomes (conhecido como “Dão”), Elenita Gomes de Souza, Leidison Rubens de Souza e Everton Batista da Silva são apontados pelas investigações como responsáveis por liderar o grupo que se destacava pela ousadia, chegando a impor “toques de recolher” à população. O grupo criminoso agiria nos bairros Sítio Porções, Itacolomi, Nossa Senhora de Fátima, Vila das Flores, Alto das Flores e adjacências.

Os líderes da organização criminosa foram presos em uma operação realizada pela Polícia Civil, sendo localizada na residência de um dos líderes e também em um veículo de luxo porções de cocaína. “Acreditamos que a operação é um forte impacto no esquema de tráfico de drogas na região”, avalia do delegado responsável pelas investigações, Estevan Renan Gutierrez.

Ainda segundo o delegado, os criminosos utilizavam de estratégias diversas no intuito de evitar suas prisões, entretanto, após intenso trabalho investigativo, os suspeitos foram presos em suas residências no bairro Nossa Senhora de Fátima, em Betim, e posteriormente foram encaminhados para o Sistema Prisional, encontrando-se à disposição da Justiça.

As investigações avançam no sentido de prender os demais integrantes da organização criminosa, impedindo assim a reestruturação do tráfico nas localidades.

Outro suspeito de integrar o grupo, Leonardo Gomes de Souza (conhecido como “Leozinho”) teve sua prisão preventiva solicitada e encontra-se foragido. Quaisquer informações que possam auxiliar a polícia em sua captura podem ser repassadas por meio do dique-denúncia, 181.

Em BH suspeito de vender ‘chocolate jamaicano’ é preso em flagrante

A Polícia Civil de Minas também realizou uma operação de combate ao tráfico de drogas que terminou com a prisão em flagrante de Lucas Gonçalves da Silva, 21 anos, no dia 4 de junho, em Belo Horizonte. O acusado foi apresentado à imprensa nesta semana.

Segundo a Polícia, a ação teve como objetivo reprimir o tráfico de uma nova modalidade de venda de maconha, conhecida vulgarmente como “chocolate jamaicano”. Essa droga é comercializada em um cone (tipo minicasquinha crocante) recheado de pasta de chocolate misturado com extrato de maconha concentrada.

Esse produto ilícito estaria sendo vendido, conforme investigações, em portas de escolas, faculdades, teatros, festas e em vários outros lugares com aglomeração de pessoas.

O suspeito, que já tem passagem pela polícia por tráfico, foi preso no centro da capital. Com ele foi apreendida uma mochila com 50 cones com entorpecentes, já prontos para venda e distribuição.

As investigações continuam para identificar e prender os demais co-autores que agiam em parceria com o investigado.

VEJA NAS FOTOS ONDE A DROGA E O CHOCOLATE ERAM EMBALADOS

NÃO OBEDECE A SINALIZAÇÃO E SÃO MULTADOS NO ANDYARA

PLACA COLOCADA PELA TRANSPL NA GESTÃO PASSADA ESTARIA FALTANDO MAIS INFORMAÇÕES

Reportagem e foto: Pacheco de Souza

PLACA DIZ QUE É PROIBIDO, MAS CAMINHONEIROS INSISTEM EM PASSAR PELO LOCAL E SÃO MULTADOS.

PLACA DIZ QUE É PROIBIDO, MAS CAMINHONEIROS INSISTEM EM PASSAR PELO LOCAL E SÃO MULTADOS.

Pelo menos oito motoristas foram notificados na tarde dessa quarta-feira, dia 12, na Avenida Araguaia no bairro Andyara na região norte de Pedro Leopoldo. O motivo é que o trânsito de caminhões é proibido no local, mas os motoristas de veículos pesados continuam ignorando a placa colocada no início do bairro pela gestão passada da TRANSPL.

Segundo o Sargento Ivan e o Cabo Rodrigo, responsáveis pela ocorrência, “foram notificados e multados aproximadamente oito motoristas. Um dos condutores foi multado por dirigir e falar ao celular” informou o Sargento Ivan.

Um dos motoristas questionou a placa colocada no local pela TRANSPL na gestão passada. “Não justifica essa placa nesse local, se fosse lá no morro da copasa ou na subida dos apartamentos tudo bem, mas aqui no bairro não vejo problemas”, declarou o caminhoneiro.

Ainda de acordo com o motorista, o seu caminhão leva no máximo 4 mil quilos, a mesma carga de uma caminhonete. Outra observação feita é que a placa não informa a partir de quantos mil quilos é proibido o trânsito no local. “Se fosse uma caminhonete ela passava pela blitz normalmente levando a mesma carga que eu estou transportando”, questionou.

A Polícia Militar respondeu as colocações do condutor. “Não estamos aqui para dizer se é viável ou não a placa no local, mas para fazer cumprir o que determina a legislação de trânsito”, frisou o Cabo Rodrigo.

Todos os veículos foram liberados no local e os motoristas advertidos e multados pela Polícia Militar.

MIX DESTAQUE: Trabalharam nessa ocorrência, Sargento Ivan e Cabo Rodrigo.

 

Modelo de Matozinhos fica em segundo lugar no concurso Miss Surda

JOVEM DE 22 ANOS REPRESENTOU O ESTADO DO MATO GROSSO DO SUL EM EVENTO REALIZADO EM FORTALEZA/CE NO INÍCIO DESSE MÊS

Prefeito Antônio Divino e Laís Gonçalves 695 X 300

Reportagem: Pacheco de Souza / Foto: Prefeitura de Matozinhos

O Prefeito de Matozinhos na região metropolitana de Belo Horizonte, Antônio de Souza, recebeu na manhã de ontem (18/02) no seu gabinete, a visita de Laís Gonçalves, segunda colocada no Concurso Miss Surda Brasil 2013. Laís Gonçalves, é deficiente auditiva e tem 22 anos. A modelo mora na região, estuda Ciências Contábeis e se inscreveu no Concurso Miss Surda Brasil 2013.

O evento aconteceu no último dia 2, em Fortaleza no Estado do Ceará. Na ocasião, a jovem que também estuda nutrição ficou em segundo lugar, representando o Estado do Mato Grosso do Sul. De acordo com nota enviada pela assessoria de comunicação da Prefeitura de Matozinhos, ainda esse ano, de 24 a 31 de julho, Laís Gonçalves representará o Brasil em Sofia na Bulgária.

O Prefeito Antônio Divino agradeceu a visita da modelo em seu gabinete, parabenizando-a pela conquista do segundo lugar no Concurso, dizendo ainda, que se sente honrado em saber que existem pessoas nos representado em grandes eventos, como o Miss Surda Brasil, e finalizou desejando boa sorte na disputa que acontecerá na Bulgária.

No site oficial do evento a modelo falou da satisfação em ter participado do concurso. “É uma imensa responsabilidade e ao mesmo tempo uma alegria muito grande poder representar uma cultura de outro estado em um concurso desse porte”, enfatiza. A modelo afirma ainda que esse é um desejo antigo. “Sempre admirei muito o mundo miss, acompanhava os concursos e me imaginava no lugar delas, e quando surgiu essa oportunidade fiquei bastante feliz”, lembra.